Verifique estes 10 items antes de imprimir seu mapa

Um mapa pode se tornar um excelente mapa apenas com uma simples checagem de alguns items. O site exprodat.com elaborou uma interessante matéria sobre isto com um check-list que pode ajudar muito a deixar seus mapas mais profissionais.

Adaptamos a lista abaixo e adicionamos comentários que consideramos importantes. Portanto, antes de plotar seu mapa, verifique estes 10 items:

Numeração dos items a serem verificados em um laioute de mapa (abaixo)
1-Barra de escala e texto de escala.

Não pode faltar e tem de ser compatível e as divisões devem ser útil para o usuário final;


2-Informações geodésicas.

Projeção, datum, esferóide, elipsóide e até EPSG quando possível devem ser adicionados;

3- Mapa de localização ou indicador de extensão.

Muito importante para mostrar o contexto onde seu mapa está inserido, importante para quem não tem muita habilidade na leitura de um mapa;


4-Legenda e Simbologias.

Não podem faltar. Procure agrupar pontos, linhas e polígonos de mesmo contexto e procure que nada visível falte na legenda;


5-Referências e Citações.

Incluir copyright e informações de fonte dos dados é uma prática muito importante que conferem profissionalismo ao trabalho;


6-Grids e Quadrículas.

Importante mas, para funcionar bem, preste atenção ao espaçamento entre linhas, use cruzes apenas em mapas de grandes escalas.

Uma dica é usar em folhas A4 uma linha de grid a cada 4 a 6 cm, A3 de 6 a 8cm e A0 uma a cada 14 a 16cm;

7-Tamanho da Fonte.

Segundo o consultor GIS (ESRI UK) Dhowal Dalal, uma boa dica é evitar usar fontes muito grande que tiram a atenção dos dados do mapa em si:

Procure seguir estas sugestões de tamanho de fonte ou proporcionais a estas (em pt):

FolhaFonte e CopyrightLegenda, escala e dados geodésicosTítuloSeta NorteQuadrículaGrid UTM
A44684064
A368108086
A01010141501210
8-Correção ortográfica.

O ArcGIS/QGIS não tem um corretor ortográfico, então verifique sempre e corrija qualquer erro ortográfico que encontrar;


9- Labels.

Verifique se todos os labels estão visíveis e se são necessários. Muitos labels podem dificultar a compreensão do mapa. Utilize técnicas modernas de agrupamento e key numbering disponívels na Maplex Label Engine;

10-Orientação do mapa.

Apesar de muitos cartógrafos acharem que não é mais necessário incluir seta norte devido a grande maioria dos mapas terem orientação norte por default, é muito recomendável colocar. Também pode-se rotacionar o Data Frame para melhor organizar os dados na folha e então a seta norte será fundamental para indicar esta rotação ao leitor do mapa.

Agora sim, verificados todos os passos acima, vá em frente e plote seu mapa ou converta para PDF.

Adaptado de  http://www.exprodat.com

Gostou? Compartilhe

5 Comments on “Verifique estes 10 items antes de imprimir seu mapa”

  1. Uma questão, você coloca que em A4 fonte do título é 8, o que ao meu ver deixa quase ilegível.
    Porém, pelas normas cartográficas, nenhuma fonte dos demais elementos do mapa pode ter fonte igual ou superior ao título, dessa forma, imagina a fonte da legenda 6 ou 7?
    assim como as coordenadas?
    Eu, como pareceristas ad hoc de revista científica, membro de banca, etc, tenho criticado muitos os dados cartográficos em virtude desses fatos.

    1. Olá Renato. Entendo sua preocupação e faz sentido. Como citado no texto, segundo o consultor GIS Dhowal Dalal, uma boa dica é evitar usar fontes muito grande que tiram a atenção dos dados do mapa em si.
      Porém é apenas uma sugestão dele estes tamanhos. Pode-se utilizar uma escala superior proporcional aqueles números se achar que fica muito pequeno.
      Abcs
      Forest-GIS

    1. Oi Bruna,
      Basta rotacionar o seu data frame com a ferramente de rotação disponível na barra de ferramentas “Data Frame Tools” que a seta norte seguirá apontando para o norte .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.