Como funciona: Dissolve no ArcGIS e Dissolver no QGIS.

Você já deve ter se deparado com a seguinte situação: Você recebeu um shapefile ou feature class contendo dezenas de campos com diversas informações em cada um. Muitos destes campos as informações se repetem e você deseja simplificar estes dados de modo a agregar todas as informações iguais naquele campo, obtendo um resultado assim:

Exemplo. Agregar municipios para gerar um shape de estados.

Normalmente você selecionaria estes dados iguais e faria uso do comando “merge”, mas temos uma ferramenta que faz isso automaticamente, tanto no ArcGIS quanto no QGIS: Dissolve no ArcGIS ou Dissolver no QGIS.

Como funciona? 
Muito simples, basta executar a ferramenta que geralmente fica em ArcToolbox>Data Management Tools>Generalization>Dissolve ou no QGIS no menu Vetor>Geoprocessar>Dissolver.

No ArcGIS, a janela abrirá pedindo para:
– Incluir o shapefile (ou feature class) que deseja agregar os campos;
-Lugar a salvar o shapefile final;
-Quais os campos que deseja agrupar. Sim, é possível agrupar mais que um, faça um teste e verá o resultado.
-Ainda há opções de criar um novo campo de estatísticas e criar ou não um shapefile multi-partes ou merged.










No QGIS é ainda mais simples. A tela pedirá apenas para:
-Entrar com a camada que deseja agregar;
-Selecionar o campo a agregar (apenas permite um campo na versão Lisboa)
-Local de saída da nova camada gerada.

Esta ferramenta evita retrabalho ao utilizar o merge diversas vezes para obter o mesmo resultado. Se  a camada possuir muitos dados vale a pena sem dúvida utilizar o Dissolve ou Dissolver. 

Qualquer dúvida é só perguntar nos comentários abaixo
Comente:

Gostou? Compartilhe
Please Login to comment
2 Comentários
0 Respostas
0 Seguidores
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Autores dos comentários
  Inscreva-se  
Mais novo Mais velho Mais votado
Notifique-me de

Realmente Anderson…muito mais simples.
Bacana o tutorial do Luis. A comunidade gis esta se fortalecendo a cada dia.
Muito bom ver isto
Abracos

Interessante esta comparação F-GIS, em especial o fato de ser "mais simples" no Quantum GIS.
Só para complementar sua explicação, gostaria de mencionar que o o Luis Lopes elaborou há algum tempo um tutorial detalhando esta operação no QGIS:
http://www.geoluislopes.com/2011/08/serie-quebrando-tabus-ferramenta.html
Abraço!

Anderson Medeiros
http://andersonmedeiros.com/