Ferramentas como o Trace ajudam a fazer do ArcGIS um padrão de mercado

Fonte: ArcGIS Help online
Ferramentas que realmente facilitam a vida e o trabalho muitas vezes chato do dia a dia fazem muita diferença em um pacote GIS. Uma delas se destaca com facilidade. Trata-se do TRACE TOOL.
   
Esta ferramenta possibilita de uma maneira que não poderia ser mais simples, reconstruir polígonos, ajustar bases de dados ou mesmo gerar novos polígonos e linhas a partir de layers base ou mesmo arquivos CAD, etc.
Aprenda no vídeo produzido pelo SandroGeo como é fácil utilizar a ferramenta.


Dica: Clicando a letra ‘O’ no teclado durante o uso do Trace, opções de distãncia de offset e tipos de cantos são mostradas, o que pode ser muito útil ao desenhar estradas ou features de largura fixa, etc…

Leia tudo sobre o Trace aqui (inglês)


Atualização: Recentemente, na versão 2.14 do QGIS, foi disponibilizada uma ferramenta parecida chamada Trace Digitising que faz algo semelhante ao que o ArcGIS sempre fez. Confira





Compartilhe:

Comente:

Gostou? Compartilhe

10 Comments on “Ferramentas como o Trace ajudam a fazer do ArcGIS um padrão de mercado”

  1. João, confira se você está com um shapefile ativo em MODO DE EDIÇÃO.
    Para ativar o trace, obrigatoriamente deverá estar com a ferramenta de criar um shapefile ativo, ou ferramenta CUT ou Ferramenta RESHAPE, senão não fica ativa a ferramenta na barra, ok? Se tiver dúvidas deixe outra mensagem

  2. blz Joabel, agradeço muito cara! Comecei a acompanhar o seu blog recentemente, e tenho encontrado post interessantissimos, dicas muito boas, principalmente pra mim que estou iniciando agora na area de GIS!
    abraços!

  3. no geral as ferramentas de edição do ArcGIS eu utilizo bastantes: extend tool, trim tool, buffer, merge, dentre outras, mas tambem acho bastante interessante a maneira como funciona as extenções Spatial Analyst Tools e Analysis Tools, tenho bastante interesse em conhecer mais dessas areas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.